Bia Figueiredo de igual para igual

Em um universo predominantemente masculino, Bia Figueiredo é a única mulher a disputar a Stock Car. Brigando de igual para igual, a piloto esteve na disputa pelo prêmio de 1 milhão de reais da Corrida do Milhão, que aconteceu em Curitiba, neste domingo (2).

Na etapa de Santa Cruz do Sul (RS), em uma corrida repleta de ultrapassagens, Bia conseguiu um resultado surpreendente e entrou para história como a primeira mulher a alcançar o top 5 na principal categoria do automobilismo nacional. Em Cascavel (PR), ela garantiu mais um bom resultado.

É muito bom voltar à Curitiba, agora para a Corrida do Milhão, que é a prova de maior prestígio na Stock Car. Foi em Curitiba que conquistei a minha melhor classificação na categoria , largando em 11º lugar. Isso traz ainda mais confiança. Será uma prova muito rápida, corrida única, de apenas 40 minutos, e largar na frente é muito importante para garantir um bom resultado, assim como o trabalho de equipe e boxes. Não vou economizar esforços para conquistar um bom resultado”, comentou Bia antes da prova.

Por ser mulher, Bia conta que no início da carreira sofreu com algumas brincadeiras dos colegas, mas hoje, depois de 24 anos, essa fase foi superada. Quando questionada se o tratamento é realmente igual ela brinca: “Ai se não for, eu fico brava e retruco as batidas”.

INOVAÇÃO

A etapa de Curitiba teve uma das maiores inovações do automobilismo nacional, o Hero Push, uma ação de voto popular que premia os pilotos mais votados com um push adicional – acionamento utilizado para gerar aumento de potência no motor e com isso ganhar mais velocidade para atacar ou se defender durante a corrida. “Os fãs podem ajudar um pouquinho seus pilotos favoritos, dando um botão de ultrapassagem extra para os três pilotos. Se a gente conseguir essa força, será ainda mais importante para corrida. O público pode me ajudar e conto com a ajuda dos fãs”, comemora a piloto.

PERFIL

Primeira brasileira a correr em uma categoria top do automobilismo mundial, a Fórmula Indy, Ana Beatriz Figueiredo – ou Bia Figueiredo – corre a temporada 2017 da Stock Car. Ela é a primeira mulher do mundo a vencer na Firestone Indy Lights, a única a vencer na Fórmula Renault, a única a conquistar uma pole position na Fórmula 3, e a única a disputar e a vencer no Desafio das Estrelas, torneio anual de kart organizado por Felipe Massa. É também a primeira brasileira a conquistar um lugar no grid e a disputar as 500 Milhas de Indianápolis e um campeonato integral da Fórmula Indy.

Por: Francielly Azevedo | Paraná Portal
Imagem: Reprodução | Internet